vulgaridade

vul.ga.ri.da.de
substantivo feminino
1.
qualidade do que é vulgar
2.
coisa vulgar; banalidade
ORIGEM DA PALAVRA|Do latim vulgaritāte-
Exemplos complementares
Exemplos tirados da internet, não verificados pela equipe editorial
Exemplos complementares - up
  • A magnífica obra de Thomas Mann situada em sanatório fictício na Suíça de Davos é demasiado erudita para ser reduzida à vulgaridade de Donald Trump.
  • A maneira de dispor os elementos da trama, explorar as contradições dos personagens, feminizar os homens ?tudo passava pelo risco de cair na violência e na vulgaridade.
  • A primeira é seguir o coro dos indignados, denunciar a cultura pop pela sua vulgaridade mendaz e até pedir a cabeça dos dois radialistas.
  • Cidade Maravilhosa, Miranda proclama a poesia sem incorrer em sentimentalismo e vulgaridade, diz Pinho Neves.
  • Como se antecipasse o procedimento vanguardista da colagem, Mahler aproveita o banal para denunciar a vulgaridade da música utilitária e comercial e, também, as expectativas de seu próprio público.
  • É o oposto da vulgaridade!
  • É ordenado e claro, sem vulgaridade, sem facilidades.
  • É uma mulher bonita, tem uma certa vulgaridade na beleza dela que precisaria ser polida.
  • Esse é o sussurro do fascismo da vulgaridade.
  • Queríamos um projeto que tivesse sensualidade, mas sem vulgaridade.
  • Tudo quanto de belo o seu sonho cria e anima fica logo desfeito em fealdade e em vulgaridade.
As frases de exemplo refletem o uso da palavra pesquisada e foram selecionadas automaticamente a partir de diferentes fontes online. O conteúdo das frases não é controlado nem representa a opinião do meudicionario.org ou dos seus editores.

Palavras começadas por